Discografia

Quatrada

Quatrada


Disponível em: iTunes Store, CdBaby,  MIRANDA DO DOURO (Papelaria Andrade), MOGADOURO (Transmontanices), BRAGANÇA (Foyer Teatro Municipal), PORTO (Grande Hotel de Paris) ou através de encomenda para galandumgalundaina(@)gmail.com

Quatrada é o novo disco de Galandum Galundaina que marca o início das comemorações dos 20 anos do grupo.

Este álbum é claramente um trabalho  que prossegue na divulgação e valorização da identidade cultural das Terras de Miranda. As letras e as melodias  do cancioneiro tradicional continuam a alicerçar uma narrativa musical que explora possibilidades de representação entre os valores da memória e os valores da contemporaneidade. As harmonias vocais e instrumentais, tendem para linhas de composição mais elaboradas. A presença da gaita de foles mirandesa torna-se mais evidente no acompanhamento, harmonizando com os restantes instrumentos. A padronização deste instrumento veio a contribuir para isso, tornando-o um instrumento com maior extenção melódica e cromático. A  flauta pastoril, o rabel, o saltério, a sanfona, continuam a dar corpo ao som Galandum Galundaina. Este álbum apresenta pela primeira vez melodias originais para gaita – de- foles mirandesa. As composições e derivações a partir de canções tradicionais, remetem-nos para temas e poemas originais como complemento e enriquecimento dessas mesmas canções. Para enaltecer este trabalho enriquecido pela dinâmica e densidade, há uma abordagem propositada mais elaborada ao nível das percussões.

Este trabalho discográfico  conta com as participações dos Clã, onde Manuela Azevedo dá voz, em língua mirandesa, ao tema “Tanta pomba” e de Zeca Medeiros, que interpreta o tema “Siga a Malta” com letra de Amadeu Ferreira. “Siga a Malta” será apresentado com videoclip em simultâneo com o lançamento deste CD. Das faixas extras fazem parte os temas “Bebe binho” dos Peste e Sida, reinterpretado para as comemorações dos 25 anos do grupo e “Zé Pereira”, tema original de Rui Rodrigues com arranjos e interpretação de Galandum.  À data foram já lançados dois singles com videoclip, “Nós tenemos muitos nabos” e “Para namorar Morena”.

 

Senhor Galandum


O lançamento de Senhor Galandum reflecte a maturidade do grupo, após 14 anos dedicados à recolha, ao estudo e à divulgação da tradição musical e etnográfica das terras de Miranda e do Nordeste transmontano.

Produzido pelos 4 elementos do grupo, Senhor Galandum é marcado pela modernidade que a banda confere aos temas apresentados através da utilização muito própria de ritmos e timbres dos diferentes instrumentos e vozes (Sanfona, Gaita Mirandesa, Gaita Galega, Gaita Sanabresa, Rabel, Flauta pastoril, Cântaro, Caixa de Guerra, Pandeiro mirandês, etc). De realçar que todas as faixas presentes no álbum são cantadas na língua Mirandesa. Este novo disco conta com várias participações especiais entre elas a de Sérgio Godinho, da cantora galega Uxia, Luís Peixoto e Hugo Correia.

Modas-i-anzonas

 

  Modas i Anzonas


2º trabalho produzido pelo grupo da sua inteira responsabilidade. Movidos pela vontade de alargar divulgando o gosto e o prazer de ouvir a música tradicional que nos foi deixada pelos nossos. Tentamos reproduzir fielmente as melodias, acrescentando o que nos vai no coração de forma a enriquecermos todos os temas com timbres, ritmos e harmonias capazes de criar estética, emoção e porque não alguma modernidade.

Ao longo dos últimos quatro anos este grupo envolveu-se em experiências únicas, nos mais diversos ambientes musicais um pouco por todo o lado, tudo isto fruto dos vários espectáculos que de certa forma influenciaram este trabalho. As pessoas, os músicos, os ambientes e as diversas culturas foram grandes fontes inspiradoras, daí ter convidado como uma mais valia dois músicos que muito admiramos. Paco Díez um grande músico de raiz Castelhana, com influencias enormes da música do mundo e mais que nada um grande amigo que desde o primeiro momento está connosco. Malcom MacMillan o gaiteiro, músico e amigo que não nos passou despercebido pelo facto de conhecer e interpretar tão bem a música mirandesa com a gaita Escocesa.

O facto de podermos conciliar os nossos conhecimentos com as várias influências vividas e com os olhos bem abertos, fez com que surgisse um trabalho com estas características que para nós Galandum Galundaina é motivo de orgulho e muita convicção de estarmos a construir uma ponte da música nostálgica para a música viva e com futuro.

L Purmeiro

  L Purmeiro


“L Purmeiro” é o primeiro trabalho de inteira responsabilidade do grupo. É um trabalho em que o espirito musical mirandês e sonoridades autênticas prevalecem em toda a sua estrutura.

Os instrumentos musicais usados são duas gaitas de fole mirandesas executadas por Paulo Preto e Abílio Topa que toca também a flauta pastoril, as percussões ficaram a cargo dos irmãos Paulo e Alexandre Meirinhos. As músicas vocais são cantadas pelos três elementos Paulo Preto, Paulo Meirinhos e Alexandre Meirinhos, com acompanhamento à flauta de Abílio Topa.

 

DVD – Galandum Galundaina ao vivo


Galandum Galundaina, tem como principal objectivo investigar e divulgar a música mirandesa, herança dos nossos antepassados. Valorizamos e incentivamos a nossa cultura eliminando todos os preconceitos negativos que durante muitos anos vinham ganhando alguma dimensão. Intervimos na pedagogia da música tradicional, levando-a ao grande público.

A terra de Miranda é uma região onde a natureza comunga o dia a dia com as pessoas, a música e as expressões inerentes são uma dessas comunhões naturais que o tempo moderno tentou eliminar, no entanto, são tradições que se mantêm vivas orgulhando todos os mirandeses onde quer que estejam ao longo dos tempos.

Falar, cantar e pensar em mirandês é o lema que leva o grupo a afirmar-se no panorama artístico deste país. O caminho percorrido já ultrapassou algumas metas ao ponto de nos sentirmos uma espécie de embaixadores da cultura do nordeste transmontano, pela abrangência, dimensão e simplicidade com que fazemos o nosso trabalho, proporcionando-nos assim actuar nos mais variados e prestigiados palcos deste mundo global.

Esta gravação em áudio/vídeo confirma e mostra num todo o trabalho que Galandum Galundaina tem vindo a desenvolver e apresentar durante estes 10 anos de existência.

Muito obrigado a todos os que directa ou indirectamente contribuem para o nosso sucesso e que de diversas formas lutam e resistem na preservação do nosso património tradicional.